MASCOTE DAS CASAS BAHIA CRESCE E VIRA ADOLESCENTE CAMPANHA DE LANÇAMENTO DO PERSONAGEM É ASSINADA PELA Y&R

MASCOTE DAS CASAS BAHIA CRESCE E VIRA ADOLESCENTE CAMPANHA DE LANÇAMENTO DO PERSONAGEM É ASSINADA PELA Y&R

O Bahianinho, mascote das Casas Bahia, assume um novo papel institucional e passará a ser conhecido como CB. Criada pela agência Y&R, a campanha de lançamento do novo personagem estreou nas redes sociais na sexta-feira (16) e na TV, em rede nacional, com o filme “Quero ser grande”, no domingo (18).

Segundo a agência, o personagem vai falar com uma linguagem leve, animada e expressiva, se comunicando com entusiasmo e sempre iniciando seus vídeos com uma apresentação calorosa e em Libras, reforçando sua preocupação com a inclusão.

Ainda como parte do lançamento, nas redes sociais, o Bahianinho irá viajar pelo Brasil para observar a influência das Casas Bahia na vida de diversos consumidores, além de abordar temas relevantes e levantar a bandeira da sustentabilidade.

“Pra mostrar como o Bahianinho cresceu e se tornou o CB, criamos uma história em que o personagem antigo se depara com todas as mudanças que estão acontecendo com a marca e percebe que precisa evoluir pra fazer parte dessa transformação. Além dos filmes também planejamos uma série de conteúdos onde vamos mostrar a jornada do CB pelo Brasil se encontrando com várias personagens que vão ajudá-lo na missão de se tornar um influencer digital que conhece de perto o Brasil e o Brasileiro”, declara Cristian Santoro, ECD da Y&R.

Ao longo de sua história, o personagem, criado em 1960, foi repaginado algumas vezes. Mudou o cabelo, os traços do rosto, roupas, trocou as botas por tênis, o chapéu por boné, e foi ganhando cada vez mais personalidade e presença nas ativações das Casas Bahia. Além da mudança visual e de idade – agora ele é um adolescente – o CB passou por outras transformações. Representando bem sua geração atual, o jovem é hiper conectado e um ativista em causas ambientais, sociais e de sustentabilidade. Embora mantenha o aspecto divertido, o CB tem mais responsabilidades como porta-voz da marca, prestando assistência aos clientes e traduzindo a linguagem digital para os mais velhos.  “A nova fase da marca exige um porta-voz que personifique esses valores e essa personalidade. Transformar o Bahianinho no jovem CB permitirá que ele se comunique com os clientes e que também atue como mais um ponto de humanização no relacionamento com o cliente e em diferentes temas como a tecnologia e a sustentabilidade. Frentes que também dão a tônica na transformação em andamento na companhia desde o ano passado”, destaca o CEO da Via Varejo, Roberto Fulcherberguer. “O CB é um jovem moderno e ativista que não só vai ser o porta-voz da marca, mas vai também prestar uma verdadeira assistência na jornada de compra do consumidor, dando dicas sobre produtos e serviços”, completa Ilca Sierra, diretora de marketing e comunicação multicanal da Via Varejo.


Sustentabilidade

A sustentabilidade será a grande bandeira levantada pelo novo CB. Ele vai ajudar a promover as diferentes iniciativas que a companhia Via Varejo realiza na área como o Reviva, programa de reciclagem, que desde 2015 atua em parceria com cooperativas espalhadas pelo Brasil e uma delas possui uma central de triagem dentro do centro de distribuição de Jundiaí.

O CB também vai falar sobre economia circular e de baixo carbono e a importância da logística reversa e descarte correto do lixo eletrônico, incluindo os mais de 200 pontos de coleta de eletroeletrônicos nas lojas Casas Bahia e Pontofrio no sudeste, que a Via Varejo disponibiliza em parceria com a Green Eletron, gestora de logística reversa da Abinee (Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica)


Releitura hiper-realista

O desenvolvimento do novo visual do personagem ficou sob responsabilidade do estúdio Miagui, que, em 2015, já havia desenvolvido uma releitura do personagem para uma campanha de games.

A releitura feita para este projeto serviu como inspiração e ponto de partida para a nova fase. “Recebemos o convite da Via Varejo como um grande presente. Com tamanha responsabilidade, tomamos o cuidado de estudar toda a evolução do personagem ao longo dos anos para identificar quais as características o tornam único e reconhecível. Nossa abordagem foi manter a essência do personagem original, incorporado em uma linguagem mais moderna, lúdica e hiper-realista, inspiradas por produções high end de estúdios como Disney e Pixar”, comenta Cássio Braga, diretor criativo do estúdio Miagui.

A partir de uma pesquisa na evolução anatômica e comportamental do personagem, todo o processo de redesign se baseou em uma reinterpretação das características originais. Um dos principais objetivos, de acordo com o diretor do estúdio, foi restabelecer o CB com características mais inclusivas, plurais e com a cara dos brasileiros, assim como o novo posicionamento da marca.

Além das campanhas digitais e offline que estreiam nesta semana, uma nova ação no digital, chamada “Evolução”, uma co-criação entre Miagui e Y&R, será lançada dia 20 e trará toda a evolução da criança para o adolescente CB, que poderá ser visto constantemente nas redes sociais da Casas Bahia (Facebook e Instagram).

Confira abaixou ou no link para o vídeo: https://www.youtube.com/watch?v=LJZWmuN3Ae0

Fonte: Propmark



Artigos Relacionados

NOVO ÍNDICE MOSTRA AS 15 EMPRESAS MAIS INOVADORAS DA BOLSA BRASILEIRA

Tecnologia e inovação. A partir da combinação desses dois elementos, muitas empresas vêm gerando, cada vez mais, uma poderosa equação, que se manifesta nas […]

VOCÊ ESTÁ MESMO APRENDENDO COM O GOOGLE?

Se você tem prestado atenção ao mundo da publicidade na última década, pode ter a impressão de que o digital é onde está todo o foco. Em termos de buzz, fixação de tendências, crescimento recorrente de […]

Sinapro-MG + Comunicação Mineira + Governo do Estado de MG

Aconteceu em 3/06 a reunião com o secretário de comunicação do Estado, Roberto Bastianetto, secretário geral de Estado do Governo de MG, Igor Mascarenhas Eto, para conversar sobre as propostas e desafios do mercado de comunicação em Minas Gerais.