Please set up your API key!

DADOS DA SOCIAL MINER TAMBÉM REVELAM QUE 48% DOS CONSUMIDORES PRETENDEM COMPRAR TUDO AQUILO DO QUE SE PRIVARAM DURANTE A CRISE

dados-social-miner-48-consumidores
(Crédito: Divulgação)

Segundo levantamento realizado pela Social Miner, em parceria com a Opinion Box, o varejo brasileiro não deve sofrer uma desaceleração tão grande em 2021. Dados revelam que 48% das pessoas pretendem aproveitar o próximo ano para comprar tudo aquilo do que se privaram durante a crise e 84% estão na expectativa de encontrar boas ofertas.

Além disso, a pesquisa mostra que 14% dos consumidores pretendem comprar apenas no online, 38% devem comprar só em lojas físicas e 49% querem mesclar as compras entre o digital e o espaço físico. Vale ressaltar que este número é bem superior ao de compras híbridas em 2019, que ficou em 29%.

“O universo virtual conquistou seu espaço na jornada de compra do consumidor, e acredito que, mesmo com a reabertura dos gradual dos estabelecimentos, os e-commerces seguem fortes. Só não há um indício de que ele será um caminho dominante”, diz Ricardo Rodrigues, CEO da Social Miner.

dados-da-social-miner-consumidor-2-2
(Crédito: Divulgação)

A pesquisa também traz dados sobre a nova forma de consumo, que deve unir as duas plataformas de vendas. Cerca de 52% dos entrevistados afirmaram que pretendem comprar online e retirar nas lojas físicas e 50% esperam poder contar com drive-thru em shoppings.

“As pessoas querem poder decidir onde vão comprar, se vão começar a jornada em um canal e terminar em outro – compra online e retira na loja -, porque a tendência é que o consumidor não se importe muito com qual é o canal. O e-commerce e as lojas físicas não serão únicos, só farão parte da multicanalidade”, comenta Rodrigues. 

Fonte: Artigo de Alisson Fernández, profissional já foi eleito pelo Grupo Comunique-se como um dos 10 melhores jornalistas de Propaganda e Marketing de 2018 e 2019 pulicado em Propmark .



Artigos Relacionados

TRADE MARKETING: PLANO DE AÇÃO PÓS-CORONAVÍRUS

Afinal, pandemia da Covid-19 atingiu o mercado de forma geral. No varejo, os primeiros dias de quarentena trouxeram um cenário de vendas reduzidas ou até mesmo paradas. Dados mais recentes, divulgados em pesquisa da Cielo, mostram que entre março e abril o varejo perdeu 24% das vendas e os serviços duráveis, 40,1%. A ansiedade é grande para quem trabalha com bens considerados não essenciais. Em outras […]

A Publicidade Brasileira e a Autorregulação

Confira o vídeo explicativo sobre o funcionamento da publicidade no Brasil. via: CENP

COMO SERÁ O MERCADO DE TRABALHO DEPOIS DA COVID-19?

Sim, essa crise vai passar, mas ninguém será o mesmo depois dela. A vida, definitivamente, está sendo revisada pela maioria e, inevitavelmente, levando a muitas reflexões. O COVID-19 deixará como legado diversos aprendizados, principalmente no mercado de trabalho. Mas, o que de fato mudará?

“O que muda diz respeito à velocidade com a qual teremos que aderir ao que já temos como, por exemplo, inteligência artificial […]