ALGORITMO DO TIKTOK: O QUE É COMO PODE REVOLUCIONAR AS VENDAS?

pexels-cottonbro-5081930-1-scaled-2

Em 2020, o aplicativo TikTok se tornou um dos mais utilizados do momento, especialmente pelo público jovem. Entenda mais sobre o algoritmo do TikTok e conheça a “mágica” que está por trás do aplicativo que:

  • Superou o Facebook e o WhatsApp, em downloads no ano de 2020;
  • É desejado pelo Walmart;
  • Está revolucionando as vendas on-line;

Com certeza você já ouviu falar – e muito, nos últimos tempos.


O que é o TikTok?

O TikTok é uma rede social voltada à criação e compartilhamento de vídeos curtos. Ela se popularizou devido à facilidade de engajamento que oferece aos seus usuários, possibilitando a viralização de publicações de uma maneira simples e rápida.

O nome “TikTok” vem da onomatopeia “tique-taque”, que faz referência ao tempo permitido para gravação dos vídeos, 15 ou 60 segundos, no máximo.

Lançado em 2016, ele surgiu a partir de um outro aplicativo lançado na China, com o nome de Douyin.

Segundo a App Annie, empresa de monitoramento de performances de aplicativos em escala global, o TikTok cresceu, ultrapassando o Facebook e o WhatsApp, tornando-se o aplicativo com mais downloads no ano de 2020. A pesquisa também aponta que a pandemia do novo coronavírus acelerou esse processo de popularização em pelo menos três anos.


Principais recursos do Tik Tok

O App começou apenas com a função de dublagem, oferecendo ao usuário um catálogo enorme de canções para que ele imitasse os cantores. Depois, foi ganhando novas funcionalidades. Dentre as principais, estão:

  • Efeitos visuais, filtros de rosto e de ambiente nos recursos gráficos;
  • Mixagens, que permitem aumentar ou diminuir o volume da música, uni-la ao som ambiente, eliminar os ruídos e corrigir de falhas de som;
  • Troca de mensagens privadas;
  • Emissão de reações às publicações;
  • Duetos, onde é possível colocar um vídeo junto ao outro e reproduzi-los no mesmo time. 


Como funciona o algoritmo do TikTok

Não é nada por acaso: por trás das recomendações infalíveis do TikTok há um algoritmo super poderoso, como em outras redes sociais, que utiliza aprendizado de máquina para mapear as preferências dos seus usuários.

O feed de cada pessoa é único e formado, basicamente, a partir das preferências dos usuários. Para isso, o algoritmo do TikTok de recomendação leva em consideração muitos fatores, tornando essa rede social cada vez mais personalizada.


Monitoramento do envolvimento

O TikTok, de forma semelhante ao YouTube, mede e monitora como as pessoas interagem com a rede, a partir de contas que são seguidas e publicações que são comentadas. Da mesma forma que isso ajuda a identificar o que os usuários mais gostam, também fazem o contrário, ajudando o algoritmo a detectar conteúdos que eles não curtem tanto.

Legendas, sons e as hashtags também contribuem para essa identificação.

Configurações realizadas no dispositivo

Configurações como escolha do país, idioma e o tipo de dispositivo também são considerados para a detecção das preferências, porém recebem um peso menor, uma vez que os usuários podem não ser tão claros quanto a essas informações.


Interação com os vídeos

A forma de interação com os vídeos é um dos fatores mais importantes na definição das preferências dos usuários. Assim, por exemplo, assistir um vídeo completo, sinaliza alto interesse. Dessa forma, o TikTok recomendará publicações similares com mais frequência.

E tudo isso independe do criador do conteúdo, mas sim do que foi produzido. Assim, é possível levar conteúdos mais assertivos para os usuários.


Mas, nem tudo são flores: preocupações do TikTok

O algoritmo do TikTok costuma ser bastante elogiado. Entretanto, nem tudo são flores e os usuários do App podem sofrer com o efeito “bolha de filtro.” Segundo a empresa, um dos desafios pode ser a limitação, inadvertidamente, da experiência dos amantes do TikTok, já que tanta personalização pode levar a um conteúdo homogêneo demais.

Assim, interromper o conteúdo repetitivo do App pode ser um desafio, por meio da exibição de diferentes tipos de vídeo no feed. Porém, como essa seleção ainda é um pouco incerta, trata-se de uma área ainda em desenvolvimento no TikTok.

Outra preocupação é com a exibição de conteúdos perigosos, problema comum em outras redes sociais, como o YouTube. Apesar de resultar em segurança para alguns usuários, para outros é tipo como algo negativo, que gera críticas.


Porque o Walmart quer comprar o TikTok?

Vídeos curtos, com muito entretenimento e, para quem quer vender, o TikTok é um solo fértil: não é à toa que o Walmart quer comprar o aplicativo.“Acreditamos que um relacionamento potencial com a TikTok EUA, em parceria com a Microsoft, poderia adicionar esta funcionalidade chave e fornecer ao Walmart uma maneira importante de alcançar e atender clientes omnicanal, bem como expandir nosso mercado de terceiros e negócios de publicidade”, disse a companhia, em um comunicado sobre o assunto. O interesse em adquirir o TikTik partiu da forma como ele integrou os recursos do e-commerce e publicidade em outros mercados.



Entretenimento mais compras: era do comércio social

Os números do comércio social são impressionantes.

O relatório “Digital in 2020”, realizado pelo We Are Social e Hootsuite, mostra que temos mais de 140 milhões de usuários ativos, que passam em média, mais de 9 horas on-line e 38% deles já realizaram alguma compra pela internet. 

Já no TikTok, no Brasil são mais de 7 milhões de usuários ativos, segundo a GlobalWebIndex, empresa de segmentação de público.  Marcas como Corinthians, Amaro e Guaraná Antarctica já estão na rede queridinha do momento.



Com tudo isso, fica então a pergunta: devo investir no TikTok?

A resposta, para ela é: entenda se os seus potenciais e atuais consumidores estão nesta rede. Ao contrário do que muitos podem pensar, não existe a necessidade de se fazer presente em TODAS as redes sociais e sim, de estar na vida dos clientes onde eles realmente são ativos.

Fonte: Whow Inovação



Artigos Relacionados

INFOXICAÇÃO, CURADORIA DE CONTEÚDO E GESTÃO DE CONHECIMENTO: O QUE PRECISAMOS SABER PARA NÃO SERMOS SOTERRADOS.

Acredite: você lê, em média, o equivalente a 174 jornais a cada 24 horas. O número, que obviamente assusta, é cinco vezes maior […]

CINCO COISAS QUE APRENDI COMO PATROCINADORA DO MAIOR REALITY SHOW DO MUNDO.

Neste ano, escolhemos patrocinar o Big Brother Brasil 2021 pela primeira vez na nossa história. A Avon foi a primeira marca de cosméticos a entrar na casa, e para nós isso fazia parte da jornada de transformação […]

SEMINÁRIO DE LICITAÇÕES PÚBLICAS – 16 DE JUNHO DE 2021.

O Sindicato das Agências de Propaganda do Estado de Minas Gerais (Sinapro-MG) convida você para participar do Seminário de Licitações para Publicidade e Propaganda, que será realizado no dia 16 de junho, das 9h30 às 11h30, ao vivo, on-line e gratuito […]