Influenciadores têm mais interações do que marcas nas redes sociais

Segundo o estudo Mídias Sociais 360º, produzido pelo NiMD FAAP e Emplifi, no Instagram essa interação é 17 vezes maior e no Facebook 68 vezes

Créditos: “Texting foto” criado por rawpixel.com – br.freepik.com

O público interage mais com o conteúdo de influenciadores do que com o conteúdo de marcas nas redes sociais. De acordo com o estudo Mídias Sociais 360º, produzido pelo NiMD FAAP e Emplifi, nos meses de abril, maio e junho deste ano, os conteúdos do creators tiveram 17 vezes mais interações no Instagram e 68 vezes mais no Facebook do que o conteúdo de marcas.

Segundo o relatório, enquanto os influenciadores têm 82.041 mil interações em seus perfis a partir de dois posts no feed por semana (não são considerados stories, reels e outros formatos), as marcas conseguem somente 4.893 interações publicando três posts por semana. A coleta dos dados aconteceu antes da liberação do Instagram de acesso ao formato Reels.

Eric Messa, coordenador do curso de Publicidade e Propaganda e do NiMD FAAP, explica que a porcentagem de comentários em páginas de influenciadores (14,79%) e perfis de comunidades (21,41%) é superior à porcentagem desse tipo de interação nos perfis de marcas (8,57%) ou mídia (6,32%).

Facebook

No segundo trimestre deste ano, a frequência de publicações feitas no Facebook pelas páginas da categoria de mídia, na qual estão inseridos os veículos de comunicação, foi bem superior em relação às demais categorias. Isso é uma tendência também vista nos meses anteriores, de acordo com o relatório. As categorias marcas e influenciadores possuem média de publicações semanais muito próximas, 3 e 2, respectivamente. Porém, a categoria marcas recebe uma mediana de 200 interações no total, enquanto a categoria influenciadores é mais de 13 mil, aproximadamente 68 vezes mais.

Além disso, a categoria marcas tem uma porcentagem da reação “amei” (7,19%) menor do que os influenciadores (13,51%). No entanto, possuem uma porcentagem de compartilhamentos maior, 7,70 % contra 4,12%. O “ha ha ha”, reação com um emoji risonho, também vem ganhando destaque. Na categoria comunidades, por exemplo, representou 5,44% do total nesse trimestre.

De acordo com o relatório, a foto é a escolha preferida tanto das marcas (79,6%) como  dos influenciadores (66%). Entretanto, quando o assunto é vídeos, os influenciadores produzem mais posts nesse formato (22%) do que as marcas (13,8%). Para ambas categorias, as publicações com link são aquelas que geram o menor volume de interações, comparado com outros formatos.

Instagram

No Instagram, o volume de seguidores dos perfis vem crescendo gradualmente. Em relação ao trimestre anterior, os perfis de marcas tiveram um crescimento de 2,26% no volume de seguidores, enquanto os Influenciadores, 1,26%. A categoria que mais cresceu foi a de esportes (4,71%), crescimento constante ao longo dos últimos relatórios.

Além disso, nos meses de abril, maio e junho os perfis de influenciadores produziram mais posts em formato carrossel (41% do total de publicações feitas por essa categoria) do que marcas (30,7% do seu total de publicações). Esse formato tem gerado mais interações dos usuários, se comparado ao post de imagem ou vídeo. Os posts feitos pelos influenciadores nesse formato chegaram a ter 22% a mais de interações do que as publicações em formato de foto e 42% do que as publicações em vídeos.

O relatório Mídias Sociais 360o (#MS360FAAP), realizado desde 2014, passou por uma reformulação no ano passado, quando a Emplifi assumiu a parceria com o Núcleo de Inovação em Mídia Digital para elaboração do estudo, cedendo a sua base de perfis cadastrados na plataforma de experiência do cliente para serem analisados na pesquisa.

Fonte: Meio&Mensagem

*Crédito da imagem do topo: “Texting foto” criado por rawpixel.com – br.freepik.com



Artigos Relacionados

AS MARCAS CAMPEÃS DO FOLHA TOP OF MIND 2020

A Folha de S. Paulo revelou na noite da última quinta-feira (29) os vencedores do Top of Mind 2020. A tradicional festa de entrega dos troféus foi cancelada neste ano por conta […]

SEU CONSUMIDOR ESTÁ MESMO PRESTANDO ATENÇÃO NO SEU ANÚNCIO?

Numa avalanche sem precedentes de mídia digital, o consumidor é impactado por anúncios nos mais diversos formatos em todas as telas. Mas até onde esse bombardeio é efetivo? Quem nunca ficou contando os segundos para pular um comercial no […]

‘VACINE E VÁ’: REINO UNIDO PROÍBE PROPAGANDA DA RYANAIR APÓS 2 MIL RECLAMAÇÕES.

A agência reguladora de publicidade do Reino Unido (ASA) ordenou a retirada de uma campanha da Ryanair que estimulava os britânicos a embarcar em um avião após a […]