FACEBOOK MUDA REGRAS PARA DIRECIONAR ANÚNCIOS A ADOLESCENTES.

imagem-1-FACEBOOK-MUDA-REGRAS-PARA-DIRECIONAR-ANÚNCIOS-A-ADOLESCENTES

O Facebook Inc. não irá mais direcionar alguns tipos de anúncios publicitários para usuários menores de 18 anos. A empresa está estabelecendo novas medidas de proteção de privacidade e não permitirá mais que os anunciantes direcionem seus anúncios ao público adolescente com base em seus interesses ou em suas atividades feitas em outros sites e aplicativos.

Apesar disso, os anunciantes ainda poderão direcionar os anúncios aos adolescentes com base em seu gênero, idade e localização, de acordo com o comunicado feito pela companhia em seu site nessa terça-feira, 27. As mudanças, que devem começar a valer em algumas semanas, serão válidas tanto para a plataforma do Facebook quanto para o Instagram e para o Messenger.

Todos os adolescentes menores de 16 anos que abrirem uma conta no Instagram serão colocados, por padrão da empresa, com o perfil no modo privado (quando o próprio dono da conta precisa autorizar quem irá seguir seu perfil).

O anúncio sobre as mudanças nas políticas de privacidade surgem depois de a empresa ter recebido críticas a respeito de seus planos de criar um Instagram específico para menores de 13 anos (essa é a idade mínima para a criação de um perfil na plataforma social atualmente). Segundo executivos da pai, a proposta seria oferecer às crianças e adolescentes as mesmas funcionalidades atuais do Instagram, mas com maior possibilidade de controle por parte dos pais e responsáveis.

Nos Estados Unidos, alguns legisladores e procuradores se opuseram ao projeto argumentando que o novo aplicativo poderia contribuir para aumentar a depressão, ansiedade e sentimento de solidão entre os jovens.

Fonte: Meio e Mensagem, com informações do Advertising Age e da Bloomberg



Artigos Relacionados

METADE DOS BRASILEIROS PREFERE COMPRAR EM LOJAS ONLINE A FÍSICAS, MOSTRA PESQUISA DE 2021.

Tem gente que adora comprar em lojas online por causa da expectativa da entrega do pacote. Tem também quem não gosta de interagir com os vendedores e prefere fazer as escolhas com calma, podendo navegar pelo e-commerce, comparar preços, pôr no carrinho e pensar mais um pouco. […]

Indústria mineira de publicidade: qual futuro?

Por José Osvaldo Lasmar Nos anos 80, a Fundação João Pinheiro foi pioneira na elaboração de pesquisas que trataram de conceituar e dimensionar as indústrias culturais no Brasil. Demandada por Celso Furtado, então Ministro da Cultura, por órgãos públicos e entidades de classe, os primeiros diagnósticos do nosso “PIB cultural” […]

Puc Minas – Lançamento da produtora E-motion e concurso de curtas

Nesta quarta-feira, 3 de abril de 2019, às 15h, no auditório 3 (prédio 43), do Campus Coração Eucarístico (av. Dom José Gaspar,