COMO EVITAR A INADIMPLÊNCIA NA SUA AGÊNCIA.

imagem-1-COMO-EVITAR-A-INADIMPLÊNCIA-NA-SUA-AGÊNCIA

Um dos maiores desafios de qualquer agência é a manutenção de uma taxa de inadimplência baixa. Quando enraizada, ela começa a se mostrar um problema sério para a saúde financeira e para o sistema de cobrança recorrente.

Segundo o Serasa Experian, 1,6 milhão de pessoas se tornaram inadimplentes no ano de 2021. Essa quantidade é a maior desde agosto de 2020. E como evitar esse risco para a sua agência? Adotando soluções para a inadimplência.

Como a taxa de inadimplência acaba impactando na sua agência?

Inadimplência é a ausência de pagamento após a data de vencimento. Após passar da data e não ocorrer nenhum pagamento, surge o cliente inadimplente.”

A inadimplência tem diferentes impactos na agência, mas o principal é a redução da saúde financeira. A agência precisa manter, de maneira recorrente, seus produtos, serviços, plataforma, consultoria, entre outras coisas.

Com o aumento da inadimplência, ocorre a diminuição do fluxo de caixa, o que impacta na manutenção dos serviços. Não só se torna incapaz de aprimorá-los, como eles também passam a apresentar queda de qualidade.

E a inadimplência pode ser o sinal de algo ainda pior: o aumento da taxa média de cancelamentos mensais. Também conhecido como churn, a inadimplência pode ser o sinal mais claro de que terá cada vez menos clientes.

Nesse momento, você corre o risco de não ter como arcar com a qualidade dos seus serviços, o que gera um efeito bola de neve.

A inadimplência acaba diminuindo a sua capacidade de fidelizar clientes

taxa de inadimplência alta impacta em todo o ciclo da cadeia comercial. Não só diminui o seu orçamento para investir na captação de novos consumidores, como também lhe impede de manter os clientes antigos.

Por isso que o recomendado não é apenas cobrar o cliente inadimplente, mas também propor soluções para lidar com a inadimplência. Dessa forma, você consegue manter os clientes fiéis à sua agência.


A taxa de inadimplência compromete a obtenção de lucro

Quando há um grande número de clientes inadimplentes na sua empresa, se torna mais difícil a obtenção de lucro. Esse lucro é comumente utilizado na inovação e no desenvolvimento da empresa para crescer no mercado.

Então isso acaba acarretando dois cenários para a sua agência: a estagnação ou decadência. Mesmo que haja um planejamento para o cenário de inadimplência alta, ainda há o risco forte da estagnação financeira.


A inadimplência causa o comprometimento dos processos operacionais

Com menor fluxo de caixa na agência, os processos operacionais passam a ficar comprometidos. O primeiro afetado é o planejamento financeiro da agência, que começa a se tornar mais desorganizado.

Depois, ocorre o comprometimento da manutenção da equipe de funcionários, o que pode levar ao corte das contratações e dispensa dos profissionais. Por fim, se torna mais difícil manter os contratos com os fornecedores.

O resultado final é a perda da competitividade no mercado!


Controle da inadimplência: como manter a saúde financeira da sua agência?

As melhores soluções para a inadimplência costumam ter um denominador comum: planejamento.”

A redução da taxa de inadimplência na agência é uma atividade que deve ser contínua e relevante. Sempre haverá o risco de um aumento na inadimplência, principalmente em momentos de crise no país.

Com o atual número de devedores no Brasil, é quase inevitável que enfrente clientes inadimplentes. Você não deve só focar na redução deles e sim em evitar que os clientes se tornem inadimplentes.

É pensando nisso que trouxemos as melhores ações para reduzir a inadimplência na sua agência!


Realize uma análise do seu consumidor

O primeiro passo para evitar a inadimplência na agência é entender quem contrata os seus serviços. Através desse mapeamento, é possível identificar os clientes com maior possibilidade de cumprir com as dívidas e os que não.

Acontece que muitas vezes um cliente inadimplente é reincidente e, ao consultar o histórico dele, é possível identificar isso. Dessa maneira, você se prepara para um possível não-pagamento ou até cancelamento dos seus serviços.


Mantenha um relacionamento mais próximo com o seu cliente

A melhor forma de ter o controle da inadimplência é possuir um contato mais próximo com o cliente. Através dessa aproximação, é possível criar o gatilho da reciprocidade – o cliente sente que deve retribuir a você.

E como criar a aproximação?

  • Mantendo contato frequente e avisando sobre o vencimento das cobranças ou benefícios especiais
  • Enviando e-mails com promoções futuras e cupons de desconto

Ao demonstrar interesse em segurar o cliente, maior será o esforço dele para manter em dia a cobrança recorrente.


Fique de olho nos números das suas cobranças recorrentes

Alguns números devem ser acompanhados de perto para evitar a inadimplência. É necessário compreender o volume total perdido, quantos clientes inadimplentes são e quais são.

Além disso, é importante saber se a maioria é de um serviço específico ou se a inadimplência é menor num outro dia de vencimento. Para ter essas informações, deve entender quais são as métricas e relatórios mais úteis.


Promova medidas de cobrança recorrente mais efetivas

O melhor a ser feito é reforçar a cobrança recorrente por meio de mensagens com diferentes periodicidades. Essas mensagens automáticas são baseadas na data de vencimento do boleto bancário, podendo serem mandadas:

  • 5 dias antes da data de vencimento;
  • Na data de vencimento;
  • 5 dias após ocorrer o vencimento;
  • 10 dias após ocorrer o vencimento;

Os títulos devem ser chamativos, de forma que o usuário preste atenção e veja o recado. O ideal é utilizar palavras em maiúsculo, como ATRASO, SUSPENSÃO ou NÃO ESQUEÇA.

No caso do cartão de crédito (onde a cobrança é automática), é interessante enviar uma mensagem para retentativa de pagamento. Nesse caso, ela é enviada quando a primeira tentativa não tem sucesso.


Pense mais na gestão de cobrança

Com um sistema de gestão de cobranças na sua agência, é possível gerir e mapear todo o processo de pagamento. Isso facilita a estruturação dos pagamentos e, consequentemente, o acompanhamento dos inadimplentes.

E a gestão de cobrança acaba auxiliando no controle da inadimplência de outra forma: através dela, você obtém as métricas e os relatórios que foram citados lá atrás. Com total noção dos pagamentos, mais fácil é evitar esse problema.


Usufrua das funcionalidades de um sistema de cobrança recorrente

Ter um sistema de cobrança recorrente é o próximo passo em relação a ter um sistema de gestão. Ele se trata de um software onde você pode acompanhar todas as cobranças, as já pagas e as pendentes.

Seu impacto na agência é que automatiza os processos, permitindo que envie as cobranças de maneira automática ao cliente. Além disso, você pode acompanhar as métricas e os relatórios produzidos também automaticamente.


As opções de pagamento são integradas ao sistema

Dentro do sistema de cobrança, há opções de pagamento integradas para o cliente, que podem ser cartão de crédito, boleto, crédito em conta ou Pix. Com isso, é menor a chance de inadimplência por falta de forma de pagamento.


Tenha uma área do cliente disponível com as cobranças

Uma outra questão que pode levar à inadimplência é a falta de acesso para o cliente às cobranças. Ele deve possuir uma área do cliente onde pode resolver as suas pendências, emitir segunda via ou entrar em contato com sua agência.

Além disso, é permitido alterar os dados, como por exemplo, os dados da forma de pagamento ou o plano solicitado!


Programe a suspensão automática dos serviços

Para que crie a urgência no cliente, é essencial definir o período para suspensão automática dos serviços. A suspensão não deve ser imediata à falta de pagamento na data de vencimento, mas sim alguns dias depois.

Por exemplo, algumas empresas adotam o período de 15 ou 20 dias para a suspensão automática. Nesse tempo, são enviadas diversas mensagens automáticas indicando a falta de pagamento pelo cliente.

Caso o cliente não efetue o pagamento dentro desse prazo de atraso, a suspensão ocorre de maneira programada!

Tenha já montada uma política de acordos

Se a inadimplência chegou num nível sério, já é esperado que não consiga obter o valor total de uma vez. Por isso que deve ter uma política de acordos já montada para obter gradualmente o pagamento em atraso.

Seja flexível e empático com o cliente, se aproveitando da proximidade que criou anteriormente. Sempre busque chegar a uma solução que agrade às duas partes, de maneira que demonstre sua preocupação com o cliente.

Além disso, tenha mais de um canal de comunicação para entrar em contato com o cliente inadimplente.

Sempre busque entender qual é o tipo de devedor que está lidando

Cada devedor tem seus próprios motivos para ter se tornado um inadimplente, o que significa abordagens diferentes. O cliente está em crise? Apenas esqueceu de pagar? Está tentando se aproveitar da sua empresa?

Para saber responder essas perguntas, categorize os inadimplentes por importância, ticket médio ou tipo de serviço que solicitou.

Fonte: blog Operand



Artigos Relacionados

BRASIL É O 5º PAÍS COM MAIS DIFICULDADE EM IMPLEMENTAR O HOME OFFICE NO MUNDO

Desde que se viu obrigada a trabalhar de casa, Juliane precisou se desdobrar para dar conta das tarefas domésticas e da rotina […]

CONAR ACATA PEDIDO DE JORNAIS E PEDE SUSPENSÃO DE CAMPANHA PUBLICITÁRIA DO SANTANDER

O Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) pediu a suspensão de dois filmes da campanha publicitária “A Gente Banca”, do Santander, por considerar que as peças depreciavam jornais e bancas.
O pedido foi feito há cerca de dez dias pela ANJ (Associação Nacional dos Jornais) e acatado há cerca de uma semana. […]

EXPEDIÇÃO VOZ DOS OCEANOS DARÁ VOLTA AO MUNDO ESTUDANDO POLUIÇÃO.

No último domingo, 29, a Família Schurmann e a tripulação do veleiro Kat iniciaram a expedição Voz dos Oceanos, um projeto de volta ao mundo que tem o intuito de conscientizar as pessoas sobre o lixo plástico nos oceanos e dar visibilidade a soluções que estão sendo desenvolvidas para combater […]