GIF REMASTERIZADO DO NYAN CAT É VENDIDO POR MAIS DE R$ 3 MILHÕES EM LEILÃO DE CRIPTOARTE.

nyan-cat-1
O Nyan Cat original, compartilhado no YouTube em 2011. GIF: Chris Torres

O Nyan Cat vai fazer 10 anos em abril (e aí, sentiu a idade?), e para comemorar o aniversário de um dos memes mais maravilhosos ​​da internet, o artista por trás do GIF, Chris Torres, colocou em leilão uma versão remasterizada recentemente. Na sexta-feira, a peça foi vendida por 300 Ether na plataforma de criptoarte Foundation, o que se traduz em cerca de R$ 3,19 milhões com base no valor da criptomoeda no momento desta publicação.

Em uma entrevista com o Verge, Torres disse que não planeja vender outro arquivo de imagem original do Nyan Cat, o que significa que o dono deste GIF agora possui uma peça verdadeiramente única.

“Eu acho que é legal saber que você possui a única peça que existe”, disse ele ao site. “E eu sinto que o Nyan Cat será realmente especial.”

Torres fez uma série de ajustes e alterações no GIF, incluindo ampliá-lo e fazer pequenos retoques na arte para corrigir detalhes que o incomodaram ao longo dos anos. Por exemplo, uma estrela em particular aparecia e desaparecia aleatoriamente na animação original de 12 quadros, então ele aproveitou a oportunidade para removê-la. Torres disse ao Verge que achava que a versão remasterizada “ficou muito boa desta vez”.

Se você ficou de queixo caído ao ler o valor milionário lá em cima, saiba que o mercado de criptoarte está passando por um momento de muito sucesso. Uma série de plataformas online surgiram nos últimos anos, como SuperRare, Zora e Nifty Gateway. Nelas, artistas e clientes trocam obras digitais no valor de milhares de dólares do mundo real. A Foundation é uma das caras mais novas na cena: ela foi lançada há apenas duas semanas, mas já registrou US$ 410 mil (ou R$ 2,2 milhões) em vendas, segundo o Verge.

Essas plataformas de criptoarte geralmente vendem obras por meio de “tokens não fungíveis” (ou NFTs, na sigla em inglês), tokens digitais baseados em blockchain que representam ativos únicos. Como os NFTs não são divisíveis e não há dois iguais, sua propriedade pode ser verificada e rastreada por meio de blockchain. Em muitas plataformas de criptoarte, as vendas reais, como a do GIF aprimorado do Nyan Cat, são feitas com ether, uma criptomoeda que roda no blockchain Ethereum e só perde para a bitcoin em termos de capitalização de mercado e volume, de acordo com a Reuters.

A comunidade de criptoarte tem falado sobre NFTs já faz um tempo, mas só recentemente ramos tradicionais do mundo da arte começaram a abraçar a tecnologia de blockchain. Esta semana, a famosa casa de leilões Christie’s anunciou seu primeiro leilão de uma coleção puramente baseada em NFT: “Everydays: The First 5000 Days” de Beeple, um artista digital. Uma série de obras digitais dele, baseada em NFT, foi vendida por US$ 3,5 milhões (cerca de R$ 18,8 milhões) em dezembro. A Christie’s também confirmou à Bloomberg que planeja aceitar ether como pagamento pelo preço principal da obra de arte, mas os colecionadores ainda terão que usar dólares antigos para cobrir quaisquer taxas adicionais da casa de leilões.

Fonte: Gismodo



Artigos Relacionados

SAMSUNG VAI COMERCIALIZAR PUBLICIDADE NAS TVS CONECTADAS.

Auxiliar os anunciantes a se conectarem com a audiência no momento em que ela está receptiva à absorção de conteúdo é a proposta da Samsung Ads, plataforma de publicidade em suas TVs conectadas que a companhia começa a disponibilizar no […]

NOVO ÍNDICE MOSTRA AS 15 EMPRESAS MAIS INOVADORAS DA BOLSA BRASILEIRA

Tecnologia e inovação. A partir da combinação desses dois elementos, muitas empresas vêm gerando, cada vez mais, uma poderosa equação, que se manifesta nas […]

DATAFOLHA REVELA MARCAS MAIS LEMBRADAS NO PERÍODO DE DISTANCIAMENTO SOCIAL

A Folha de S.Paulo publicou no fim da última semana um caderno especial de 28 páginas com os resultados de uma pesquisa […]